Por que é tão importante ter orientação para servir?

Eu venho falando desde 2017 sobre as habilidades importantes para os profissionais e ajudando- os no desenvolvimento dos comportamentos essenciais para o crescimento profissional e pessoal. E uma habilidade que eu conheço desde que comecei a trabalhar na área de RH e que ainda não saiu de moda é a orientação para servir, que nada mais é do que o famoso trabalho em equipe, a facilidade para colaborar.

É incrível como 99,9% das empresas que eu vou fazer um diagnóstico para desenvolvimento humano necessitam de ajuda nesse aspecto, para as equipes colaborarem mais.
 
Por isso a “orientação para servir” foi apontada como uma das competências que todo profissional vai precisar até 2020, pelo fórum econômico mundial. 

Hoje no processo de inovação que vivemos o capital humano, intelectual é o maior ativo de uma empresa. 

Tudo acontece com e através das pessoas e desde que entramos na era da informação, nos anos 90, a prioridade e trabalhar as relações interpessoais. 

Os empregos operacionais aos poucos estão sendo extintos para dar lugar ao trabalho focado no conhecimento e comportamento, que requerem habilidades sócio emocionais e essencialmente comportamentais. Nesse sentido as relações de trabalho também estão mudando para dar lugar ao trabalho informal, trabalho autônomo, trabalho temporário, liberal e freelancer, que aumenta a necessidade de se construir um ambiente colaborativo, para o alcance de resultados através de métodos de trabalho mais humanos.
 
E por que é tão importante ter orientação para servir? 

"O mais difícil não é mudar a sociedade, mas mudar a si mesmo." Mandela 

Sabemos que as soft skills são essenciais para o engajamento, produtividade e sucesso das organizações, mas com todas as mudanças que experimentamos, desenvolver habilidades comportamentais é essencial para todos nós que desejamos viver bem em sociedade, se destacar e manter um ambiente saudável com bons relacionamentos. 

E na correria que vivemos atualmente torna-se muito difícil dedicar um tempo para aprimorar a colaboração e o servir bem.
E talvez seja esse o diferencial que você precisa para crescer pessoalmente e profissional, porque: 

- É dando que se recebe. Pessoas que ajudam de forma altruísta são vistas de forma positiva. Você conhece alguém que ajudou e não foi ajudado? Já ouviu falar que precisamos plantar para colher? Minha mãe sempre me disse que não dá para plantar ódio e colher amor. 

- A união faz a força. Vivemos em comunidade e precisamos um dos outros. Nós não sabemos tudo e com a quantidade de conhecimentos que precisamos adquirir diariamente trocar experiências, compartilhar tornou-se imperativo. Já ouviu falar em economia colaborativa? 

- Se você quer conquistar alguém precisa se importar com esse alguém primeiro. Já ouviu falar em marketing de relacionamento? Conhece alguém ou uma empresa que te marcou positivamente? Provavelmente essa pessoa empresa te ajudou com algo difícil e te fidelizou. 

- Quando eu me importo, eu escuto e compreendo melhor o que a pessoa quer. Sendo assim consigo atender bem a diferentes perfis e consequentemente ter mais resultados. Sabia que nós somos diferentes? 

- Ser bem tratado faz toda a diferença. Quando eu sirvo eu dou o meu melhor para atender aquele grupo ou aquela pessoa e isso sem dúvidas causará um impacto positivo sobre mim ou meu grupo e empresa. Lembre-se que o cliente final é o mesmo, independente se você está em uma equipe, empresa ou atuando sozinho. 

Eu poderia escrever um livro com exemplos da importância de ajudar, colaborar e servir, mas como o nosso foco é profissional, o meu objetivo é chamar a sua atenção para essa habilidade essencial. O dia a dia de trabalho está sendo moldado para facilitar as relações entre as pessoas, aproveite as ferramentas existentes na sua empresa, as redes sociais, o acesso as pessoas e desenvolva esses 3 pontos: 

1- Colabore! 

Entenda que você faz parte de uma comunidade e tudo acontece de forma sistemática e sinérgica. Se você cooperar, contribuir, ajudar isso afetará o todo e lhe trará resultados. 

Busque o seu diferencial, o seu talento e coloque ele no dia a dia do seu trabalho, fazendo mais do que foi pedido. 

Contribua para a sociedade, sua comunidade. Quem precisa do que você sabe ao seu redor? Eu não estou falando de falar um voluntário, em um grande projeto social, estou falando de você identificar as pessoas que você convive, lida, as vezes diariamente, e que precisam da sua colaboração para irem mais longe ou resolver um problema. 

2- Trabalhe em equipe! 

Você não sabe de tudo e sem dúvidas tem muito para trocar com a sua equipe. Respeite o conhecimento do outro e trabalhe em conjunto, unindo todos os conhecimentos para alcançar objetivos. 

Diminua o seu orgulho para enxergar o que cada um em sua equipe tem de bom e perceba o que você pode agregar para essas pessoas.
Diversas pesquisas apontam que equipes inovadoras e de alta performance são compostas de pessoas diversas e colaborativas. 

3- Seja uma pessoa prestativa! 

Saiba que você tem muito a agregar para alguém, mas para isso precisa adiar se colocar a disposição para ajudar de forma genuína. Empatia é a palavra, se colocar no lugar do outro e conviver, oferecer ajuda, ouvir e servir. 

Tenho certeza que ajudando você será ajudado e que a colaboração vai mudar a sua vida positivamente. Vamos em frente? 

Foco na Carreira!